Sinistro no seguro residencial ou assistência? Qual a diferença?

Residencial
14/12/2018

Por: Milena

Sabia que há diferença entre o sinistro no seguro residencial e a assistência? Enquanto o primeiro funciona como uma proteção financeira em caso de riscos ou incidentes na casa, a segunda representa um pacote de serviços focado na solução de emergências domésticas.

Quando se firma um contrato de seguro, a família tem em mãos uma segurança extra para a residência e para o orçamento doméstico. Em caso de sinistro, a relação contratual prevê o direito a uma compensação financeira ao segurado, nos termos do que foi contratado.

Neste artigo, você vai entender melhor sobre o sinistro no seguro residencial e as diferenças em relação à assistência. Então, continue a leitura para fazer a melhor escolha!

O que é um seguro residencial?

O seguro residencial tem o objetivo de oferecer uma proteção completa para o imóvel do segurado. O que isso significa? Que o contrato vai cobrir tanto problemas estruturais quanto possíveis dificuldades relacionadas à parte interna da casa.

É com o seguro residencial que o contratante tem cobertura contra prejuízos financeiros nos casos de sinistro — que é qualquer evento a partir do qual o bem material indicado pela apólice sofre danos. Assim, consegue receber uma indenização pelas despesas inesperadas, diferentemente da proposta da assistência, como veremos à frente.

Agora, quem pensa que a contratação do seguro compromete o orçamento familiar, está enganado. O custo gira em torno de 1% do valor de reconstrução do imóvel. Nesse sentido, ele representa um dos tipos de seguro que mais podem ser moldados de acordo com o objetivo e as necessidades do segurado.

Para isso, existem as coberturas básicas e as adicionais, que devem ser avaliadas a fim de atender ao interesse do segurado. As coberturas básicas são aquelas que têm itens essenciais, presentes na maioria dos seguros oferecidos ao público.

Aqui, o segurado tem direito à indenização de danos causados por explosão, queda de raio e incêndio, por exemplo. Já nas coberturas adicionais, é possível contratar pacotes que incluem o interior do imóvel ou, ainda, seguros de responsabilidade civil, que protegem contra danos a terceiros.

Por exemplo, se houve a queda de um objeto da sua janela e, infelizmente, atingir uma pessoa, você garante o direito ao reembolso de todas as despesas médicas. Outros exemplos de coberturas adicionais são contra:

  • roubo;
  • furto;
  • impacto de veículos;
  • danos elétricos;
  • danos devido a vendavais, enchentes ou granizo;
  • acidentes pessoais;
  • coberturas de perda;
  • pagamento de aluguel para terceiros, entre outros.

É importante destacar que cada seguradora tem regras e critérios distintos. Por isso, é fundamental que você busque no mercado empresas sérias e que sejam reconhecidas pela segurança e qualidade do serviço oferecido.

O que é uma assistência residencial?

A assistência residencial é um conjunto de serviços focado no auxílio em casos de emergências domésticas. O segurado que opta por essa modalidade tem atendimentos que auxiliam na resolução de imprevistos cotidianos.

Assim, trata-se de uma assistência 24 horas, vinculada ao seguro residencial, mas focada exclusivamente na resolução de emergências rotineiras. Como exemplos de serviços oferecidos, podemos destacar:

  • segurança e vigilância;
  • limpeza;
  • faxina;
  • despesas de lavanderia;
  • cobertura provisória para telhas;
  • indicação de profissionais (como chaveiro, babá etc.);
  • serviços para animais domésticos, entre outros.

A assistência é muito interessante para quem mora sozinho, não tem empregada, costuma viajar sempre ou passa muito tempo fora de casa. As seguradoras oferecem inúmeras opções de planos, desde os mais básicos até os mais completos — em que o limite de utilização é maior e há um leque mais variado de serviços.

Vale destacar que o segurado deve buscar um plano de assistência focado em suas necessidades, até porque não é interessante contratar o que nunca será utilizado. Por exemplo, não faz sentido você incluir um adicional de serviços para animais domésticos se você não tiver um.

Quais são as diferenças entre seguro e assistência?

As características de cada um dos contratos já apontam para as suas diferenças. Enquanto o seguro indeniza o contratante dos riscos descritos e definidos na apólice, a assistência é um pacote de serviços que visa auxiliar na cobertura de problemas comuns da rotina doméstica.

Assim, a assistência residencial será uma ajuda nos pequenos imprevistos diários, mas não vai proteger contra danos expressivos em caso de sinistro. Enquanto isso, o seguro é uma proteção mais ampla e que agrega dentro dele a opção de assistência 24 horas.

A diferença entre eles está, portanto, no momento de acionar o serviço. A cobertura do seguro é solicitada em situações inesperadas que levam a despesas e prejuízos, como descargas elétricas e incêndios. Já a assistência será acionada para emergências, como a perda de uma chave, um vazamento de pia ou um problema elétrico.

O que é preciso saber antes de contratar?

Para contratar esse tipo de serviço com segurança, o primeiro passo é procurar uma empresa séria e que lhe oriente de forma clara acerca das cláusulas, das coberturas e dos requisitos que precisam ser atendidos.

Também é imprescindível conhecer o contrato, ler todos os dados com calma e solicitar esclarecimentos ao corretor em caso de dúvidas. Lembre-se de que a apólice vai conter todas as informações sobre o seu seguro, então, somente tem validade o que está escrito no documento.

Daí a importância de buscar tal serviço em empresas sérias e comprometidas com o atendimento dos seus segurados. Esses produtos são muito procurados hoje em dia, principalmente em razão do seu baixo custo e dos benefícios que eles trazem para as famílias prevenidas.

Além de garantir a proteção para o imóvel na ocorrência de algo grave, eles também oferecem assistência na resolução de pequenos problemas rotineiros, o que facilita o dia a dia. Ao contratar, informe-se sobre a assistência e busque por uma opção que lhe ofereça segurança e praticidade.

Entendeu a diferença entre sinistro no seguro residencial e a assistência? Então, não perca mais tempo! A rotina corrida da atualidade exige que o segurado tenha planejamento e conte com um apoio eficiente para resolver situações que fogem do seu controle.

Você quer garantir a segurança da sua casa? Então, faça uma cotação de seguro residencial com a Pulso Seguros!

Cadastre-se e receba nosso conteúdo exclusivo