Satisfação profissional: quais os efeitos positivos para as empresas?

Negócios
4/05/2018

Por: Milena

Você sabia que a satisfação profissional tem relação direta com os diferenciais competitivos de uma empresa? Afinal, ela reflete no modo como os colaboradores estão dispostos a se comprometer com os valores da organização e a trabalhar para atingir os resultados esperados.

Para entender a importância desse conceito e descobrir como melhorar a sensação de realização no seu negócio, acompanhe o post!

Quais vantagens a satisfação profissional traz para a empresa?

A satisfação profissional reflete na qualidade dos produtos e serviços realizados — o que leva à diminuição dos custos e ao aumento do número de clientes e da lucratividade da empresa. Conheça cinco vantagens diretas:

1. Aumento do engajamento

Todo investimento feito na capacitação profissional e no bem-estar dos funcionários gera retorno, pois a equipe se sente responsável por mostrar que a confiança depositada valeu a pena, desenvolvendo um senso de contribuição.

Assim, os colaboradores se tornam mais engajados com as metas estabelecidas. Na prática, passam a pensar e a agir como se fossem um pouco “donos” da empresa, se responsabilizando pelo seu sucesso.

2. Redução da taxa de turnover

Graças à satisfação profissional, os colaboradores não têm o desejo de migrar para empresas concorrentes, o que ajuda a reter talentos e a evitar gastos (de tempo e dinheiro) com desligamentos, processos seletivos e novos treinamentos.

Ao mesmo tempo, para reduzir o turnover é importante oferecer oportunidades de crescimento, para que todos se sintam estimulados a trabalhar cada vez melhor, desenvolver sua carreira e ascender profissionalmente.

3. Melhora do clima organizacional

Conforme a empresa cresce e os colaboradores vão sendo reconhecidos pelos bons serviços prestados, os relacionamentos interpessoais — inclusive no que diz respeito à comunicação alinhada entre diferentes departamentos — também melhoram.

Com isso, o clima organizacional se torna mais ético, leve e propício à criatividade. Consequentemente, os funcionários passam a acreditar mais em seus potenciais e se sentem seguros para inovar em busca de melhores resultados.

4. Maior produtividade

Colaboradores realizados colocam mais empenho na execução das tarefas, se sentindo à vontade para propor melhorias que podem tanto gerar economias como aumentar a produtividade.

Além disso, da mesma forma que o estresse é “contagioso”, o comprometimento também é. A energia positiva faz com que, mesmo nos momentos de cansaço, a equipe se mantenha focada na obtenção dos resultados.

5. Melhor qualidade

A satisfação profissional passa pelo constante aprimoramento da capacidade operacional — principalmente, por meio de cursos e treinamentos oferecidos pelas empresas —, o que gera produtos e serviços de melhor qualidade.

Ao mesmo tempo, cria-se uma cultura na qual os próprios funcionários investem parte de seu tempo livre na sua capacitação. Dessa forma, tornam-se ainda mais aptos a realizar suas funções, fazendo com que a empresa se diferencie da concorrência.

Como melhorar a satisfação profissional dos colaboradores?

O segredo é se valer de estratégias que aumentem a motivação no trabalho. Confira algumas iniciativas que fazem a diferença:

  • ofereça salários compatíveis com o mercado, jornadas de trabalho adequadas (não exaustivas) e férias em datas de interesse do colaborador. Além disso, invista em planos de carreira com correções salariais de acordo com a evolução de cada profissional;
  • ofereça benefícios como seguro saúde, seguro viagem, assistência odontológica, convênio com academia de ginástica etc. Eles ajudam a equilibrar as preocupações pessoais e profissionais e a obter mais qualidade de vida;
  • dê feedbacks regulares e construtivos, promova treinamentos e deixe a comunicação “aberta”, para que o colaborador se sinta confortável para sugerir melhorias. A boa interatividade entre gestores e funcionários evita, inclusive, ruídos de comunicação;
  • avalie a possibilidade de permitir horários flexíveis, bem como o trabalho remoto em home office. Alguns colaboradores rendem mais quando são autorizados a trabalhar com certa autonomia;
  • proporcione ambientes seguros, agradáveis e livres de práticas de assédio e discriminação. Prezar pela saúde dos colaboradores evita afastamentos ou mesmo o presenteísmo (quando se está de corpo presente, mas com a cabeça em outro lugar).

Agora que você sabe como a satisfação profissional impacta nos resultados de uma empresa (afinal, a qualidade dos produtos e serviços depende, diretamente, do trabalho dos colaboradores), siga-nos no Facebook e no LinkedIn e encontre diversos conteúdos sobre formas de garantir a segurança de sua empresa e a qualidade de vida do capital humano!

Cadastre-se e receba nosso conteúdo exclusivo