5 principais causas de acidente em canteiros de obra

Seguro para Riscos de Engenharia
27/11/2017

Por: Milena

Acidentes em canteiros de obra são, infelizmente, muito frequentes. Causados na maioria das vezes por falta de atenção (73% dos casos, segundo pesquisa do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil de São Paulo), imprudência e excesso de confiança, eles provocam prejuízos que vão da simples perda de tempo até a invalidez e mesmo a morte de pessoas.

 

Vale lembrar que os acidentes não são exclusividade de grandes empreiteiras. Eles ocorrem também em obras residenciais, e arquitetos, decoradores e paisagistas devem responder por eventuais danos causados aos clientes nesses casos. Por prevenção, é indicado que esses profissionais disponham de seguros que os protejam das consequências desse tipo de situação, sobre as quais eles nem sempre têm total domínio.

 

Por isso, a lista dos cinco acidentes que ocorrem com mais frequência (e medidas para evitá-los) leva em conta reformas e outras obras realizadas em ambientes domésticos. Veja quais são eles.

 

1. Queda de objetos

Acidentes com objetos em queda são comuns e estão entre os mais difíceis de prever. O descuido na fixação de qualquer parte da construção, ou mesmo de um equipamento, ou ainda a ocorrência de uma ventania podem resultar em uma situação desse tipo.

 

Por isso, a melhor maneira de prevenir as quedas de objetos é, sem dúvida, a utilização de equipamentos de proteção, coletivos e individuais. Redes, anteparos e capacetes são alguns exemplos desses aparelhos. Ao usá-los, o profissional está colaborando para a sua segurança e a de seus colegas.

 

Em obras em prédios, inclusive os já ocupados, a queda de objetos pode também atingir passantes na rua. Por isso, os cuidados precisam redobrados.

 

2. Falta de sinalização

Muitas situações, inclusive algumas graves, têm origem na sinalização inexistente, ou insuficiente, nas obras. A falta da indicação de que há possibilidade de descarga elétrica em um determinado setor, da capacidade de elevadores e outros equipamentos, da necessidade do uso de equipamentos de proteção (e quais) é um risco para todos que transitam em uma obra.

 

Segundo a Norma Regulamentadora 18, que orienta as condições de trabalho na indústria da construção, é obrigatório que haja informações e orientações claras sobre os espaços do canteiro e os riscos que existem neles. Os trabalhadores, por sua vez, precisam ficar atentos às placas, cartazes e avisos obrigatórios nesses locais e, claro, obedecê-los.

 

A sinalização deve privilegiar a comunicação direta, priorizando o uso de imagens em vez de muitas palavras, para facilitar o entendimento. Outro cuidado deve ser o de evitar excessos, pois a poluição visual pode resultar em uma menor atenção por parte dos trabalhadores.

 

Importante atentar para o fato de que a NR-18 faz parte da legislação trabalhista brasileira. Então, as empresas que não cumprem as determinações previstas nelas podem ser multadas e/ou ter a obra embargada.

 

3. Má disposição de objetos no espaço da obra

Essa irregularidade está diretamente ligada ao item anterior: falta de sinalização. Com frequência, objetos e materiais de construção são dispostos em lugares onde podem provocar acidentes. Para evitar que esse tipo de situação ocorra, o ideal é, além de respeitar a sinalização, como dito acima, haja atuação dos gestores da obra, que devem cobrar e fiscalizar a disposição adequada dos objetos.

 

A implantação de checklists, de sistemas 5S e outras técnicas de organização é uma solução que pode impedir a ocorrência desse tipo de situação.

 

4. Utilização incorreta de equipamentos

A má utilização dos equipamentos disponíveis na obra é um risco. Muitos deles são perigosos e podem vir a provocar cortes e lacerações graves. Essas ocorrências são resultado da falta de treinamento e do uso incorreto dos equipamentos de segurança.

 

Para evitar, o empregador e os gestores da obra devem se preocupar em fornecer os equipamentos de proteção regularmente, assim como proporcionar os treinamentos adequados à equipe.

 

Outro resultado do mau uso dos equipamentos podem ser as lesões por esforços repetitivos (LER). Elas também ocorrem quando há a intensificação do trabalho sem o devido cuidado de evitar sessões prolongadas de repetição do mesmo movimento.

 

5. Tombos e escorregões

São muitas as situações que podem ocorrer tombos e escorregões. Entre elas, destacam-se a realização das tarefas de forma brusca, apressada e sem o devido cuidado. Não é indicado, por exemplo, que haja pessoas correndo pela obra. O procedimento correto é caminhar com atenção para evitar choques com materiais pelo caminho ou até mesmo meros escorregões em superfícies nas quais o atrito é menor.

 

Nesse caso, a principal medida de segurança é o compromisso dos trabalhadores, que devem ter atenção onde pisam e como executam o seu trabalho. Treinamento e ações de conscientização são a forma como os responsáveis pela obra podem colaborar para reforçar essa percepção na equipe.

 

Todos os outros principais riscos são, de alguma forma, variações das situações acima. E, conforme dissemos na abertura do texto, eles podem ocorrer até mesmo em obras realizadas nas dependências de uma casa ou em suas áreas externas.

 

Previna-se dos acidentes em canteiros de obra

O Seguro de Responsabilidade Civil Profissional para Jardinagem e Design de Interiores funciona como uma precaução para profissionais ou empresas que prestam esse tipo de serviço.

 

Trata-se de uma segurança para acidentes e prejuízos que podem decorrer de erros de projeto, falha na escolha de materiais, lapsos na concepção, desenho e adaptação de móveis, assim como realização de serviços sem a aprovação do contratante, entre outras falhas que fazem parte dos riscos dessas profissões.

 

Esse seguro é vendido em um pacote bem completo, que cobre despesas de defesa, indenizações, acordos e outros tipos de reclamações para reparação de danos. Quando ocorre a manifestação de um terceiro, alegando erro profissional, o seguro já pode ser acionado.

 

Então, agora você se sente mais preparado para eliminar as principais causas que podem levar a ocorrência de acidentes em canteiros de obra?

 

Se quer saber mais sobre como estar sempre preparado para lidar com esse tipo se situação de forma antecipada e preventiva, siga a gente nas redes sociais e não perca as nossas publicações. Estamos no FacebookLinkedIn, passa lá e curta a gente!

0/5(0 Reviews)

Cadastre-se e receba nosso conteúdo exclusivo