Descubra por que os KPIs são essenciais na gestão de pessoas

Negócios
25/04/2018

Por: Milena

O KPI, sigla para key performance indicator (indicador-chave de desempenho), é uma das ferramentas mais populares para a medição de resultados na gestão de qualquer negócio. Afinal, eles não apenas ajudam a mensurar os ganhos. São úteis para identificar riscos, tendências e definir objetivos e metas a serem atingidos.

Então, nada mais natural do que usá-los também na gestão de pessoas, uma das áreas mais estratégicas de qualquer empresa. Com ajuda dos KPIs, os times de RH podem mais facilmente avaliar a eficácia de sua estratégia, o engajamento e a satisfação dos funcionários e identificar melhorias de gestão como um todo.

Como funciona o KPI?

Os indicadores devem ser definidos de acordo com a realidade de seu negócio, isto é, não existe uma receita de bolo ou um kit de itens a serem medidos que servem para qualquer situação.

Somente em RH, existem dezenas e dezenas de indicadores que podem ser levados em conta na avaliação da gestão: absenteísmo, rotatividade, treinamento, índice de diversidade, custo dos benefícios, percentual de horas extras e clima organizacional, entre outros.

Definidos os temas e os indicadores, o próximo passo pode ser a aquisição ou formatação de ferramentas de inteligência de negócios que ajudem a medir com exatidão os resultados que estão sendo entregues pela área. Um bom começo é definir os KPIs a partir dos principais públicos do negócio, desde colaboradores até os clientes, passando pela sociedade e fornecedores, entre outros.

O próximo passo é usar esses KPIs no planejamento estratégico do negócio, garantindo que seus resultados sejam levados em conta nas decisões mais importantes da empresa. Importante: cada indicador deve ter um profissional ou área responsável por engajar e cobrar por resultados.

Como apresentar os resultados?

Para que os indicadores cumpram sua função, eles precisam estar claramente definidos e ser apresentados de maneira intuitiva e autoexplicativa. Periodicamente, é necessário que haja reuniões nas quais os KPIs sejam divulgados, explicados e avaliados.

Para cumprir a sua função estratégica, os indicadores precisam ser conhecidos e divulgados: informação que fica retida na cabeça ou na gaveta de alguém não tem o poder de engajar e direcionar as pessoas na busca pelo melhor desempenho da organização.

Quais são os ganhos que eles trazem?

Os KPIs são uma maneira de estabelecer uma cultura de planejamento nas organizações alinhada à busca por resultados e à conquista de metas previamente planejadas. Quando se trata da área de pessoas, em que há grande quantidade de temas de difícil mensuração, os KPIs ajudam a torná-los mais concretos.

Quanto mais os indicadores ajudarem na identificação dos problemas e pontos de melhoria da gestão dos funcionários, maior será sua importância estratégica. Para isso, eles precisam de acompanhamento constante e de análise das informações geradas para encontrar oportunidades para melhoria.

Neste post, explicamos o que é key performance indicators (KPI) e como eles podem influenciar a boa gestão dos recursos humanos de uma empresa. Se você gostou desse tema e quer saber mais sobre gestão, seguros e finanças, entre outros assuntos, assine a nossa newsletter!

0/5(0 Reviews)

Cadastre-se e receba nosso conteúdo exclusivo