Manipulação de alimentos: veja as melhores práticas para Food Truck

Food Truck
25/02/2019

Por: Milena

Os famosos Food Trucks têm se popularizado nos últimos anos, ocupando o seu espaço no mercado e ganhando relevância entre os consumidores. Nesse contexto, o cuidado com a manipulação de alimentos se tornou um dos temas centrais envolvendo os restaurantes itinerantes.

Pensando nisso, desenvolvemos este post especial, trazendo informações e dicas de boas práticas para os profissionais que atuam em restaurantes sobre rodas. Continue a leitura!

Os fornecedores e o armazenamento

As boas práticas dentro de uma cozinha começam antes mesmo da compra do alimento. Por isso, a escolha de fornecedores idôneos e que tenham alvará sanitário válido é imprescindível. Inclusive, os insumos de origem animal devem ser adquiridos apenas daquelas empresas que tenham o registro do Ministério da Agricultura (MAPA).

Após a aquisição dos produtos, é necessário se atentar também para a questão do armazenamento. A cozinha deve ter geladeiras e freezers, e os alimentos perecíveis devem ser guardados rapidamente no local com a temperatura ideal.

Ao realizar o armazenamento também é importante ter cuidado para evitar a chamada contaminação cruzada. Para isso, é preciso manter os produtos embalados dentro de suas embalagens de origem, com as respectivas etiquetas de identificação.

Vale lembrar que é fundamental manter o selo de procedência até a utilização completa dos alimentos de origem animal, já que em caso de fiscalização da vigilância sanitária eles podem ser exigidos.

As boas práticas de manipulação de alimentos

A manipulação de alimentos é um dos processos mais complexos e delicados para os profissionais que atuam em restaurantes, comercializando produtos preparados.

O primeiro processo que envolve a preparação é o chamado pré-preparo, ou “mise en place”. O recomendado é que os donos de Food Truck realizem essa etapa em cozinhas com alvará sanitário. A utilização de um ambiente adequado para o manuseio dos alimentos é fundamental para a segurança sanitária.

A preparação dos alimentos

Toda pessoa que realiza a preparação de alimentos em um Food Truck precisa conhecer as boas práticas para manipulação adequada dos insumos.

Entre as regras, vale destacar a necessidade de manter os alimentos perecíveis por no máximo 30 minutos em temperatura ambiente e de atingir a temperatura mínima de 70°C no cozimento.

Após a preparação é preciso armazenar os alimentos, protegidos e etiquetados com data de produção e validade. Quando estiverem prontos, eles devem ser mantidos refrigerados abaixo dos 5°C, ou congelados até o dia da sua comercialização.

O transporte dos alimentos para o Truck

Depois de devidamente preparados, o transporte dos produtos para o truck deve ser feito com atenção às boas práticas, e isso inclui a proteção e embalagem específicas.

Alimentos resfriados e congelados precisam ser transportados em caixas térmicas vedadas. Além disso, a empresa deve ter um carro com licença sanitária, sendo proibido o uso de veículo particular para o transporte de alimentos.

A finalização e comercialização dos produtos

O processo final de preparação dos produtos no Food Truck também deve considerar o cuidado com as normas sanitárias. Além da temperatura e do armazenamento, é preciso dar uma atenção especial também às questões que envolvem a contaminação cruzada.

Por fim, é importante também que o empresário do setor de alimentação em Food Truck invista em um seguro específico, para trazer mais segurança e cobertura total do negócio. Hoje, o mercado oferece apólices direcionadas para o setor, com assistência 24hs, inclusive nos finais de semana e feriados.

Gostou deste artigo sobre manipulação de alimentos? Então continue conosco e leia também nosso post sobre alimentos funcionais.

Cadastre-se e receba nosso conteúdo exclusivo